faleconosco@tudoparamulher.net

Cinco novos hábitos: seis quilos a menos e muito amor

Cinco novos hábitos: seis quilos a menos e muito amor

Cinco novos hábitos: seis quilos a menos e muito amor

3375 0

“Transformar um hábito não é necessariamente fácil nem rápido. Nem sempre é simples. Mas é possível”. Essa frase de Charles Duhigg, autor do livro O Poder do Hábito, é bem significativa e o livro, que tem prá lá de 404 páginas, é muito interessante, didático e esclarecedor… Vale super ler.

Nessa pegada de mudança de hábitos, fiquei pensando no quanto a minha vida mudou depois de me ver hipertensa, com colesterol alterado, crise de ansiedade e hormônios desregulados . Tudo isso aos 34 anos de idade!! Diante desse quadro nada animador, ouvi do meu papito: "Filha esses problemas apareceram cedo, hein? Seu pai ficou hipertenso com 41 anos. Cuidado, menina". 

Acima do peso, oi? Eu estava super acima, com muita vergonha e recusava me olhar no espelho! Entre outras coisas mais  - baixa auto-estima, desejo sexual zero etc, isso sem falar que o fato de não me curtir estava presente há muitos anos. crying

Foi quando, com ajuda de especialistas - psicólogo, cardiologista, nutricionista e endocrinologista - fiz um check-up médico, ouvi atenta às orientações médicas e sai cantando por aí: eu me amo, eu me adoro e não posso viver sem mim... Rsrs cheeky (zueira, né? Mas decidi dar o primeiro passo).

O fato, gente, é que não adianta reclamar, não se sentir bem consigo mesma é UÓ; não ter força suficiente para mudar, idem. Viver em uma montanha-russa é triste, mas quem quer muito algo, faz acontecer. Assim, os resultados, mais cedo ou mais tarde, aparecerão.

Comer a metade, andar o dobro e sorrir o triplo - Provérbio Chinês

Amo e tento praticar esse provérbio, mas acho s-u-p-e-r difícil de fazer e manter, no entanto, como o meu acompanhamento médico passou a ser bimensal, prometi a mim mesma que iria reverter o quadro. Alimentação diminuída, lanchinhos nos horários certos, tudo agendado no Google calendário (thanks pela dica, marido wink) e não é que comecei a ver diferença na balança? 

Como assim, perdi um quilo? Oi, outro quilo a menos? Não demorou e as pessoas começaram a notar a redução de medidas, os exames foram melhorando, as dosagens dos hormônios foram ficando controladas e por aí foi acontecendo... Nesses últimos seis meses, a minha pressão só aumentou três vezes, diferentemente de antes, pois ela se mantinha alta o dia inteiro. 

O Google calendário me lembra os horários das minhas refeições, lanches e medicamentos. Recompensa: cortar o cabelo mais curto, do jeito que achava irado, mas jurava que só ficaria bom quando emagrecesse. 

Correr 5k
Tenho uma amiga que corre que é uma lindeza (Beijo Flor heart) e cheguei a fazer um ou dois treinos com ela, mas não conseguia manter o treino ou, inconscientemente, achava que estava atrapalhando a performance dela - uma atleta que corre meia maratona...

Foi quando uma outra amiga retornou da Espanha e me convidou para caminhar e correr com ela. Assim como eu, ela achava o máximo quem corria, mas não se via correndo tão cedo. Então, combinamos de nos encontrar três vezes por semana. E assim passamos a fazer. Incrivelmente, temos TPM e menstruamos na mesma época, então, quando estamos com cólica, vamos assim mesmo, rsrs. Alguém com preguiça? Uma pega a outra em casa. Bateu a bad? Não importa, vamos juntas e a gente caminha calada. 

Desse jeito, fomos mudamos o cenário. Chegamos à orla da Atalaia, praia... Quando percebemos estávamos correndo alguns minutos e percorrendo toda a orla de Aracaju, os meses foram passando e nossos corpos acostumando. heart

Um dos dias mais emocionantes, para mim, foi quando a minha amiga viajou e eu disse: vou continuar o treino. Saí de casa SOZINHA no entardecer (horário preferido) e consegui correr o trajeto inteiro, ida e volta correndo: consegui fazer os meus 4,7k. Cheguei em casa vermelha e lacrimejando, pois não acreditava que, no mês de janeiro isso seria impossível. Minha expectativa mais otimista achava que somente em março o meu corpo já estaria adaptado. laugh

Conto com a ajuda do aplicativo Corrida e Strava para iOS. Recompensa: ver a minha barriga pochete diminuir (kkkk), banho de piscina + água de coco e Kudos no Strava.

Meditação
Outro hábito que fui inserindo no meu dia a dia foi o de meditar ou a prática do mindfulness. Uma vez por dia dedico 10 minutos para essa prática e, acreditem, o meu corpo já sabe o horário de simplesmente parar e estar presente. angel

Conto com o aplicativo Headspace e vídeos do youtube. Recompensa: chá que gosto e me sentir presente.

Zumba / dança
Tenho outra amiga que super me ajudou nesse processo. Ela me convidou para ir a umas aulas de zumba. Então, como durante a semana eu estava caminhando/correndo (com a Nana, minha cadela idosa, ou com outra amiga), passei a frequentar as aulas de zumba aos sábados. Primeiro, amo o ritmo, acho caliente, super sedutor e faz com que me sinta viva. Assim, passei a acordar mega alegre aos sábados para curtir uma aula forte que vai das 8h às 9h10 por aí…

Recompensa: café da manhã ou brunch com amigas e ampliar relacionamentos sociais.

Brincar
Pelo menos a cada quinze dias, visito os meus sobrinhos e dedico algumas horas a eles. Não sei quem é mais criança de nós, pois brincamos loucamente, dançamos, jogamos bola, pintamos, desenhamos e isso nos deixa tão felizes e conectados que a recompensa é simplesmente estar rodeada de transparência e amor. angel angel

Neste hábito não conto com aplicativo e sim com disposição e criatividade.

Ainda tenho muito a percorrer? Tenho muito a percorrer sim, mas sei que bons passos eu já dei e, como postei no meu Instagram outro dia, ao ver uma foto, me senti plena como há muito tempo não sentia e isso para mim foi um super encontro comigo mesma.

Essa é a foto do Instagram 

Espero que este relato te faça refletir sobre quais hábitos você deseja tanto mudar e que você possa contar com a ajuda de pessoas com objetivos similares e crie recompensas para que, brevemente, eles se tornem automáticos e te deixem leves.

Publicações Relacionadas

Sai do trânsito você também!

Artigo inspirador narra como uma jovem de 20 anos conseguiu ser a dona da sua velocidade e do seu caminho.

Você erra, todos julgam. Você acerta, ninguém vê

Tenha coragem e seja gentil. De que modo a mensagem do filme Cinderela reflete sobre as nossas ações cotidianas?

Viver melhor e com o suficiente

Respeitem o seu corpo, alma e sonhos, se abram ao novo e boa jornada.

Seja o primeiro a comentar

ENVIAR UM COMENTÁRIO

PORQUE MEU COMENTÁRIO NÃO APARECEU?

Os comentários do portal são moderados, então podem demorar um pouco a serem autorizados. Comentários ofensivos não são publicados.