faleconosco@tudoparamulher.net

Vale mesmo à pena fazer chá de fraldas?

Vale mesmo à pena fazer chá de fraldas?

Vale mesmo à pena fazer chá de fraldas?

405 0

Até a década de 80, as mulheres que tinham condições financeiras e desejavam comemorar a chegada do primeiro filho, organizavam um chá de bebê. Com o crescimento tecnológico e o surgimento das fraldas descartáveis, o cenário social mudou e as festas se transformaram em chá de fralda, nos quais as futuras mamães recebem apenas fraldas descartáveis de presente.

Contudo, a evolução dos ultrassons trouxe uma nova forma de pensar e mudou novamente a ideia das festas para os que irão nascer. Surgiram os chás de revelação, nos quais é conhecido o sexo do bebê que vai chegar. Mais recentemente, a nova proposta de muitas mamães é o chá de fralda com surpresa, no qual o convidado, além da fralda, leva uma lembrancinha para o bebê.

Todas essas modalidades de festas são bem interessantes, porém, será que os gastos compensam? Quando os novos papais estão com a situação financeira equilibrada os valores não são tão importantes. Todavia, quando a ideia é economizar é preciso fazer as contas. Assim, você evita perder dinheiro ao invés de economizar.

Alguns pontos comuns nas festinhas que você deve pensar e fazer as contas são:
*lista de convidados;
*convites;
*local da festa (será necessário alugar um espaço ou será gratuito?);
*mesas, cadeiras, toalhas e arranjos (alguns salões já dispõem de mesas e cadeiras);
*decoração e lembrancinhas para os convidados (os arranjos da mesa já podem servir de lembranças);
*limpeza do ambiente antes e pós-festa (lembre que depois da festa você e seu barrigão podem estar cansados, sendo melhor contratar ou convocar uma pessoa para fazer o serviço com antecedência);
*buffet e número de convidados;
*bebidas;
*bolo;
*brincadeiras.

Após tudo isso, faça as contas dos gastos e se pergunte: “com esse valor eu compraria X pacotes de fraldas. Isso é maior ou menor que o número de pacotes que receberei?”. Caso compense, faça a festa. Até porque você pode ter o auxílio de amigos e familiares no custeio dos itens da festa. Não esqueça de planejar tudo com antecedência, escolher o tipo de festa que fará e confirmar a presença de todos.

Entretanto, se realmente não for possível fazer um evento, busque uma outra forma para aproveitar o momento e fazer algo para celebrar a chegada do novo integrante da família, nem que seja um encontro simples com as amigas. Afinal, essa fase só dura nove meses. Aproveite ao máximo! smiley


 

Publicações Relacionadas

Participe do 1⁰ Conlinária, é on-line e gratuito

Congresso Internacional de Culinária envolve 24 chefs, empresários do ramo da gastronomia e participantes dos principais programas de culinária.

Vem aí o Fest Verão Sergipe

Evento acontece de 20 a 22 de janeiro reunindo milhares sergipanos e turistas.

Vem aí o Verão Vooar

Projeto conta com um line-up moderno e atual comandado por grandes nomes do cenário nacional.

Seja o primeiro a comentar

ENVIAR UM COMENTÁRIO

PORQUE MEU COMENTÁRIO NÃO APARECEU?

Os comentários do portal são moderados, então podem demorar um pouco a serem autorizados. Comentários ofensivos não são publicados.