faleconosco@tudoparamulher.net

Os poderes do maracujá

Os poderes do maracujá

Os poderes do maracujá

863 0

Muita gente não sabe, mas o maracujá oferece grandes benefícios à saúde. Listei alguns deles pra vocês:

* fonte abundante das vitaminas A, C e outras do complexo B;
* boa quantia de sais minerais, entre eles o cálcio, ferro, fósforo e sódio;
* ótimo calmante natural para o organismo humano;
* a casca é bastante rica em fibras que ajudam na digestão, emagrecem e ainda previnem e controlam a diabete;
* nas sementes, é possível encontrar um potente vermífugo (fazendo um suco de maracujá, as propriedades das sementes são automaticamente passadas para o líquido);
* é um poderoso antioxidante que age contra o envelhecimento precoce dos órgãos e melhora o funcionamento do organismo.

O maracujá não é muito conhecido pelos seus poderes emagrecedores, mas isso não quer dizer que eles não existam. A substância responsável é a pectina, que, no estômago, se transforma em uma espécie de gel não digerível e provoca sensação de saciedade, fazendo com que a pessoa comer menos.

A pectina é facilmente encontrada em alta concentração na casca do maracujá. Essa substância carrega as gorduras e a glicose presente nos alimentos, eliminando-as pelas fezes. Quanto à glicose, a pectina consegue reduzir a velocidade com que o açúcar entra na corrente sanguínea, e quanto mais lento for esse processo, a fome irá demorar um pouco mais para aparecer.

Publicações Relacionadas

Miss Islândia se nega a emagrecer para participar de concurso

Arna Ýr Jónsdóttir desistiu de concurso e explicou ao mundo o porquê em carta.

Corrida: o esporte-terapia

Tem muita gente encontrando, na prática, a solução para o stress, a ansiedade, a insônia e vários outros incômodos

Smoothie protéico

Que tal se refrescar nesse calor de maneira saudável e saborosa?

Seja o primeiro a comentar

ENVIAR UM COMENTÁRIO

PORQUE MEU COMENTÁRIO NÃO APARECEU?

Os comentários do portal são moderados, então podem demorar um pouco a serem autorizados. Comentários ofensivos não são publicados.