faleconosco@tudoparamulher.net

Estudantes sergipanos garantem vaga Olimpíada da Língua Portuguesa

Estudantes sergipanos garantem vaga Olimpíada da Língua Portuguesa

Estudantes sergipanos garantem vaga Olimpíada da Língua Portuguesa

475 0

Sete alunos da rede pública estadual e um aluno do Município de Carira são os semifinalistas de Sergipe que irão representar o Estado na etapa regional da V Olimpíada da Língua Portuguesa. Dos 1500 inscritos em Sergipe, foram selecionados dois textos em cada categoria: Artigo de Opinião, Crônica, Memórias Literárias e Poema.
 
A próxima etapa será a participação desses estudantes nas oficinas de textos e trabalhos literários, que acontecerão em São Paulo, Fortaleza, Porto Alegre e Salvador. Nessas oficinas, os semifinalistas terão a oportunidade de melhorar a produção antes de serem avaliados por uma comissão julgadora regional, que acontecerá no período de 25 de outubro a 24 de novembro, nas respectivas capitais.
 
Para Nadja Nayara, coordenadora estadual da Olimpíada da Língua Portuguesa, a parceria entre professor, secretarias estadual e municipal de Educação, pais de alunos e alunos é o sucesso dessa atividade. "Agradecemos aos professores que têm o ensino da Língua Portuguesa não somente como uma forma de dar uma nota na prova, mas também como formação de escritores e leitores", afirmou.
 

Premiação Nacional

A Olímpiada da Língua Portuguesa teve como tema o "O lugar onde vivemos", sendo uma iniciativa da Fundação Itaú Social, através do programa Escrevendo o Futuro, com coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária, em parceria com o Ministério da Educação, Conselho nacional dos Secretários de Educação (Consed), União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e Canal Futura.
 
O concurso de textos premia as melhores produções dos alunos do 5º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio de todo o País. Uma comissão avalia as produções inscritas por estado na primeira fase. Após serem classificados por categoria e por grau de escolaridade, os semifinalistas, juntamente com os professores orientadores, participam das oficinas regionais presenciais em outros estados.
 
Os encontros da etapa regional têm por objetivo ampliar as habilidades de leitura, da escrita e do universo cultural dos alunos através do intercâmbio em capitais do Brasil. Após serem avaliadas pela Comissão Regional, as produções passam por uma Comissão Nacional. A premiação dos vencedores nacionais será realizada em Brasília, no dia 6 de dezembro próximo.
 
Lista completa

ARTIGO DE OPINIÃO (2º e 3º anos do Ensino Médio)
Colégio Estadual João Salônio - Nossa Senhora Aparecida
Texto: Uma Nova História para o Lugar Onde Vivo
Autor: Vanessa Maria Oliveira Morais
Orientador: Professora Maria Hedenilza Mendonça
 
Colégio Estadual Professor João Costa - Aracaju
Texto: Usina Nuclear, Uma Bomba Relógio
Autor: Glória Steffany de J. Silva
Orientador: Professor Everaldo José Freire
 
CRÔNICA (9º ano do Ensino Fundamental e 1º ano do Ensino Médio)
Colégio Estadual Almirante Barroso - Muribeca
Texto: A Câmera
Autor: Rodrigo dos Santos
Orientador: Professora Iderlânia Costa Souza
 
Colégio Estadual 28 de Janeiro - Monte Alegre de Sergipe
Texto: O Mandacaru
Autor: Maria Angélica Correia Lima
Orientador: Professor Carlos Alexandre Nascimento Aragão
 
MEMÓRIAS LITERÁRIAS (7º e 8º anos do Ensino Fundamental)
Colégio Estadual Senador Walter Franco - Estância
Texto: Na Cozinha Encontrei o Tempero das Palavras
Autor: Talyson Raony Santos Cruz
Orientador: Professora Adriana Alves Novais de Souza
 
Escola Municipal Ilda Almeida Dutra - Carira
Texto: Minha Estrela Dourada
Autor: Rodrigo de Jesus Melo
Orientador: Professor Andreia da Silva
 
POEMA - (5º e 6º anos do Ensino Fundamental)
Colégio Estadual Gaspar Lourenço - São Cristóvão
Texto: Vida de Pescador
Autor: Jucimara Silva Conteira Santos
Orientador: Professora Irani dos Santos Carvalho
 
Colégio Estadual Nelson Rezende Albuquerque - São Mateus/Gararu
Texto: Premissa do Vaqueiro
Autor: Mateus Alves Barros
Orientador: Professora Sara Santana Santos

Fonte: seed.se.gov.br
Foto: María Odília/Seed
 

Publicações Relacionadas

É preciso coragem para romper laços que não fazem bem

Segunda crônica de viagem da turismóloga Lillian Mesquita aborda os laços de família.

Tem arte na escola? Tem sim, senhor!!

Festival AVIE! envolve estudantes da rede estadual de Sergipe em concurso que resultará em exposição.

Instituto JCPM inicia atividades em Aracaju

Serão oferecidos cursos gratuitos de qualificação para jovens de 16 a 24 anos.

Seja o primeiro a comentar

ENVIAR UM COMENTÁRIO

PORQUE MEU COMENTÁRIO NÃO APARECEU?

Os comentários do portal são moderados, então podem demorar um pouco a serem autorizados. Comentários ofensivos não são publicados.