faleconosco@tudoparamulher.net

Unhas: os perigos de picotar as cutículas

Unhas: os perigos de picotar as cutículas

Unhas: os perigos de picotar as cutículas

1000 0

Uma unha bem feita, com os cantos sem excesso de peles e um esmalte da moda encantam as mulheres e definem estilos. Demonstra, também, o cuidado e higiene com as mãos. Mas o hábito de retirar as cutículas com o auxílio do alicate esconde um perigo à saúde que muitas pessoas desconhecem.

"A cutícula é removida cada vez mais cedo. Muitas vezes, crianças a partir dos 10 anos já são frequentadoras assíduas das manicures. As meninas, orientadas a copiar as mães e/ou seus ícones de beleza – blogueiras ou artistas – retiram cada vez mais a pele na lateral das unhas, chegando a machucar e deixando caminho para bactérias e fungos", alerta Marina Groke, Diretora Operacional da Unhas Cariocas primeira franquia de esmalteria do mundo a remover as cutículas com o uso da cureta.

Apesar de deixar o acabamento bonito – e isso não se pode negar – usar o alicate, ao longo da vida, pode interferir no formato da unha, pois com a pressão e retirada da pele cada vez mais profunda, pode-se afetar a matriz e ocasionar estas mudanças. Além disso, à medida que ocorre o picotamento com o alicate, o corpo entende que a barreira de proteção está ficando fraca, estimulando o engrossamento das cutículas.

Segundo Marina, pessoas com problemas graves de saúde são proibidas por seus médicos de fazerem as unhas com alicates, como indivíduos com câncer e diabetes. "A pele da região serve para proteger. Ao ser retirada ou machucada, os famosos "bifes", fica mais fácil de desenvolver doenças, principalmente por conta de a imunidade estar baixa", explica.

Por esses motivos, o uso de cureta é uma opção eficiente para deixar as mãos saudáveis e ainda ter aquela sensação de perfeição ao sair da manicure. "A cureta remove as cutículas, minimiza os riscos de cortes e infecções causadas pelos alicates, além de causar um afinamento da área, promovendo um crescimento uniforme", conclui a Diretora Operacional da Unhas Cariocas, Marina Groke.

 

Sobre a Unhas Cariocas

Com apenas um ano de existência, sendo seis meses como franqueadora, a Unhas Cariocas Franquias inaugurou sua primeira loja em Taubaté (SP), desenvolveu o seu modelo de franquia e possui, até o momento, nove unidades, uma delas está em Aracaju-SE

Sua técnica inovadora remove cutícula com o uso da cureta, minimizando os riscos de cortes e infecções causadas pelos tradicionais alicates, além de afinar a pele da região das unhas, promovendo um crescimento uniforme. Além disso, o método acelera o processo de cuticulagem, permitindo que o procedimento nas mãos seja feito em até 30 minutos.

 

Fonte: N3 Comunicação Integrada
 

Publicações Relacionadas

Corrida: o esporte-terapia

Tem muita gente encontrando, na prática, a solução para o stress, a ansiedade, a insônia e vários outros incômodos

Violência psicológica é crime!

Quem sofre esse tipo de agressão dificilmente perceberá que está sendo vítima desse mal.

Pedi demissão e agora? Parte I

A história de uma designer gráfica que abriu mão do emprego fixo em prol da qualidade de vida.

Seja o primeiro a comentar

ENVIAR UM COMENTÁRIO

PORQUE MEU COMENTÁRIO NÃO APARECEU?

Os comentários do portal são moderados, então podem demorar um pouco a serem autorizados. Comentários ofensivos não são publicados.